GUIA DA FELICIDADE,SEGUNDO DALAI LAMA


Guia da felicidade, segundo Dalai Lama
Dalai Lama é um experiente líder religioso e tem muito a nos ensinar com sua grande sabedoria. Em seu guia para felicidade, ele se baseia no budismo para explicar como alcançar o grau máximo de satisfação e alegria, porém, não trata-se de um artigo que fala especificamente de religião.
Com sua praticidade e percepção de vida, acredita que é possível encontrar a felicidade por meio do desenvolvimento do nosso corpo e equilíbrio da mente. O que implica diretamente na nossa evolução pessoal.
“É possível encontrar a felicidade por meio do desenvolvimento do nosso corpo e equilíbrio da mente. O que implica diretamente na nossa evolução pessoal”
O significado dessa palavra que todo mundo vai em busca o tempo todo e de todas as formas, segundo Dalai Lama, é um sentido de maior satisfação e não necessariamente precisamos ter uma experiência prazerosa para que isso aconteça, e sim outros tipos de neutralizações que podem nos satisfazer da mesma maneira, como a paz mental, que surge do calor humano e reduz todas as energias negativas e desconfianças que a nossa mente cria.
Ele ainda ressalta que aquilo que a gente pensa nos torna prisioneiros de nós mesmos, então, o importante é não se rotular e se diferenciar de outras pessoas de modo que não desmereça alguém. Lembre-se: os seres humanos são todos iguais mentalmente, intelectualmente e emocionalmente. Os sentimentos estão por toda a parte e em todas as pessoas, porém, uns podem ser mais aflorados em alguns aspectos, isso é o que diferencia o caráter, a maneira de falar e agir de cada um.
As nossas atitudes refletem no nosso modo de viver. Por exemplo, se você prejudica alguém, certamente irá sofrer as consequências negativas daquilo que fez. Se fizer o contrário e levar a felicidade para as pessoas, pode ter a certeza que irá receber centenas de benefícios por isso. A própria vida tem a função de realizar o nosso julgamento. Pense nisso!
“Os sentimentos estão por toda a parte e em todas as pessoas, porém, uns podem ser mais aflorados em alguns aspectos”
Outra forma de chegar até a felicidade é estabelecer a sua força interior cada vez mais. A sua confiança e determinação no propósito de viver faz com que se sinta mais feliz, à vontade e orgulhoso de si mesmo. Quando estamos bem conosco, as chances de acordar e dormir com sorrisos aumentam significativamente.
É essencial entendermos a importância desses valores da vida. Durante a juventude, tendemos a pensar mais nisso. Quando atingimos certa idade de tomada de decisões e escolhas, outros assuntos se tornam prioridade e os valores mais aguçados são os materiais.
Independente da escolha da sua religião ou até mesmo que não tenha uma e não tenha nenhuma crença, buscar a felicidade acima de qualquer coisa torna o ser humano mais leve, faz-se uma pessoa melhor e com mais prazer de viver.
Vamos conhecer dez segredos de Dalai Lama que podemos utilizar como dicas, nos tornando melhores seres humanos e também esbanjando mais alegria por onde passamos. Dessa forma, sempre estaremos rodeados de pessoas que gostam da gente e fazem questão da nossa presença.

  • Administre seus hábitos
Saber conduzir a maneira como agimos e vivemos é essencial para alcançar a felicidade. É simples: cultivamos os bons hábitos e eliminamos os ruins. Basta colocarmos em uma balança aquilo que pode não fazer tão bem quanto esperamos e separar o que agrega valor daquilo que é destrutivo.
É importante não se acomodar com aquilo que só prejudica. Assim, não seremos cúmplices da infelicidade. Motive-se a criar novos métodos que te faça mais feliz e que te dê mais prazer. Desafie-se, experimente e crie suas próprias metas. Uma vida organizada é o primeiro passo para manter o equilíbrio e aguçar os sentimentos bons de felicidade.
  • Trabalhe sua mente
Todos nós temos um grande potencial mental e interior que nos faz capazes de exercer determinadas escolhas, sentir emoções e se libertar. Treinar a mente é o método mais prático de adquirir conhecimento pessoal, ação que ninguém jamais poderá tirar de você.
Com a evolução do nosso conhecimento pessoal, seja por meio de uma leitura, uma meditação, ou outra atividade que possa te fazer trabalhar seu interior, podemos evoluir também em outros quesitos, por exemplo, desenvolver um bom coração, sereno, pacífico e acolhedor.
  • Aprofunde-se nas suas perspectivas
O fato de alinharmos objetivos em longo prazo, obrigatoriamente, nos leva a viver um dia após o outro com o intuito de alcançarmos aquilo que almejamos. Quando temos um intuito de vida, a nossa determinação e autoconfiança aumentam. Isso nos leva a acreditarmos mais em nós mesmos.
  • Conheça o sofrimento e afasta-se
Conhecer o significado do sofrimento e saber identificar em quais situações ele pode nos prejudicar é essencial para buscar a felicidade completa. Aprender com aquilo que nos faz sofrer é importante, porém, saber traçar novos caminhos para que não aconteça novamente é melhor ainda.
  • Acalme os seus pensamentos
Tornar a mente mais pacífica e calma gera uma estabilidade interior e crucial para o encontro da felicidade. Pensamentos embaralhados e confusos podem causar irritações e dúvidas. Por esse motivo, é de imensa importância e responsabilidade pessoal disciplinar a nossa mente.
Quando estamos com os pensamentos calmos, não significa que necessariamente nós aceitamos tudo aquilo que dizem e somos passivos. É ser sensitivo, saber ouvir e alimentar somente o que pode te fazer bem e trazer calmaria e paz.

  • Aprofunde-se em relacionamentos
Devemos abusar da comunicação em determinadas situações, principalmente em relacionamentos amorosos, dessa forma, sem dúvidas, conseguimos conquistar o parceiro com mais respeito, verdade e confiança. A base para o sucesso em amores não pode estar ligada somente na atração física.
Se entregar em um romance pode trazer muita felicidade. Esqueça tudo o que for superficial e aprofunde-se nesse relacionamento. Troque ideias, prazeres, dicas, sensações, emoções e o mais importante, o amor verdadeiro. Não tenha medo! Esse sentimento pode nos impedir de muita coisa que planejamos. Confie. A confiança é capaz de espantar qualquer medo.
  • Adapte-se a mudanças
Mudar é preciso. Nem sempre encaramos da melhor maneira possível e somos resistentes a essas situações. Aprender que o mundo muda o tempo todo e aceitar a necessidade que isso aconteça também é um segredo para a felicidade.
Não podemos ficar presos e com pensamentos limitados para impedir que as mudanças se desenvolvam. Escolha a melhor direção e deixe acontecer. Não tente mudar um destino ou um caminho. Isso não é a melhor opção. Encontre os benefícios dentro de tudo que precisa ser alterado e encare de forma positiva.
  • + Positividade e – negatividade
Livre-se de tudo aquilo que possa trazer frustração e lhe fazer mal. Vá para perto de bons fluídos e pensamentos. Deixe que os sentimentos de alegria, amor e entusiasmo façam parte da sua vida e, assim, ultrapassem os de raiva ou ódio que podemos sentir.
Precisamos ter a sabedoria do perdão e a consciência de que sentimentos negativos não trazem felicidade para as nossas vidas. Reflita!
  • Desenvolva a compaixão
Segundo Dalai Lama, quando desenvolvemos o senso de compaixão, entramos em um estado de espírito longe de violência e agressividade. Está associado com o respeito que temos com o próximo. Não confunda compaixão com o sentimento de pena e dó. Esses não devem estar presentes em nossas emoções.
Para aflorar a compaixão, vamos decidir não sofrer mais com nós mesmos e, em seguida, aplicar e cultivar o método em outras pessoas. Abuse da percepção, compreensão e serenidade.
  • Libere “a mente de luz clara”
O termo é conhecido também como a natureza de Buddha. Significa que nenhum pensamento negativo pode aflorar. Explica a importância de acalmarmos e iluminarmos todos os conceitos e pensamentos para atingir a total serenidade da mente e felicidade.
Acredite em você e que tens toda a capacidade para se tornar uma nova pessoa. Alguém melhor, com mais responsabilidades, equilíbrio espiritual e poder de alcance a todo e qualquer sentimento de alegria.
Em seu guia para a felicidade, Dalai Lama deixa explícito que qualquer pessoa pode ser feliz, basta tentar e fazer acontecer. Se determinar e não desistir jamais. A felicidade está disponível para atingir uma atmosfera inteira, porém, temos que nos ajudar também, e se necessário mudar algumas atitudes em nossas vidas.
Texto escrito por Natalia Nocelli da Equipe Eu Sem Fronteiras
Fonte:http://portalarcoiris.ning.com/group/Universo/forum/topic/show?id=2899738

Postagens mais visitadas deste blog

DALAI LAMA: ATRÁS DE NOSSA ANSIEDADE ESTÁ O MEDO DE NÃO SER NECESSÁRIO