Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

MEDITAÇÃO : UMA DISCIPLINA ESPIRITUAL - DALAI LAMA - COMO MEDITAR (VÍDEOS)

Imagem
Meditação: Uma disciplina espiritualXIV Dalai Lama (Do livro "Transformando a Mente", XIV Dalai Lama[1], trad. Waldéa Barcellos, transcrito com autorização da Editora Martins Fontes -http://www.martinsfontes.com)

O que entendemos por meditação ? Do ponto de vista budista, a meditação é uma disciplina espiritual, que nos permite algum nível de controle sobre nossos pensamentos e emoções. 
Por que não conseguimos desfrutar da felicidade duradoura que buscamos ? É por que com tanta freqüência deparamos com o sofrimento e a infelicidade em seu lugar ? O budismo esclarece que, no nosso estado mental normal, nossos pensamentos são descontrolados e rebeldes; e, como nos falta a disciplina mental para dominá-los, somos incapazes de controlá-los. Resultado, são eles que nos controlam. E os pensamentos e emoções, por sua vez, costumam ser controlados pelos nossos impulsos negativos, em vez de o serem pelos positivos. Precisamos inverter esse ciclo, de modo que nossos pensamentos e emoçõe…

MEDITAÇÃO,UM COMEÇO - DALAI LAMA

Imagem
Meditação, um começo.Dalai Lama Vamos explorar as técnicas para mudar os nossos espíritos das suas vias habituais para outras mais virtuosas. Há dois métodos de meditação que devemos usar na nossa pratica. Um, a meditação analítica, é o meio pelos quais nos familiarizamos com novas ideias e atitudes mentais. O outro é a meditação estabilizada, que foca o espírito no sujeito com que temos que nos familiarizar. Embora naturalmente aspiremos a ser felizes e desejemos ultrapassar a miséria, continuamos a experimentar a dor e o sofrimento. Porquê? O budismo ensina que na verdade nós conspiramos com as causas e condições que criam a nossa infelicidade e somos muitas vezes relutantes em nos comprometermos em actividades que nos poderiam levar a uma felicidade mais duradoura. Como é que isto acontece? Na nossa usual maneira de viver deixamo-nos controlar pela força dos pensamentos e emoções, que por sua vez dão nascimento a estados mentais negativos. É através deste círculo vicioso que perpetua…

O “EU” NO BUDISMO E O LIVRO DOS MORTOS - SEGUNDO SUA SANTIDADE , O DALAI LAMA

Imagem
O “EU” NO BUDISMO E O LIVRO DOS MORTOS - SEGUNDO SUA SANTIDADE , O DALAI LAMA
O Dalai Lama nos fala, numa extensa e detalhada introdução ao livro Tibetano dos Mortos (em inglês, The Tibetan Book of the Dead: First Complete Translation (Penguin Classics)), sobre o "eu" e a reencarnação. Ele começa esclarecendo um ponto muito importante e pouco divulgado do budismo: no ocidente têm-se a crença de uma alma indivisível, pura, separada da mente (que chamamos de "eu" ou "ego", enquanto a alma é referida como "Eu"). No budismo não há uma coisa assim, pois o que nós chamamos de "eu" é um agregado de valores, todos interrelacionados e em constante mudança, o que inclui especialmente os "5 agregados do apego": O corpo (Rupa);
Os sentimentos (Vedana);
As percepções (Samjña);
Construções mentais; (Samskara);
A consciência (Vijñana).
Estes cinco agregados não são um "eu"; a crença em um eu (Satkayadrsti) emerge desses cinco agregados, …

O 14º DALAI LAMA,TENZIN GYATSO,SUA HISTÓRIA DE VIDA E ENSINAMENTOS

Imagem
14º Dalai LamaO décimo quarto Dalai Lama ( nome religioso : Tenzin Gyatso , encurtado de Jetsun Jamphel Ngawang Lobsang ( / dɑːlaɪlɑːmə / ( EUA ), / ˌdælaɪlɑːmə /[1] Dalai Lamas são monges importantesda escola de Gelug , a escola a mais nova do budismo tibetano[2] que nominal é dirigida pelo Ganden Desde o tempo do V Dalai Lama até 1659, o governo central do Tibet, o Ganden Phodrang , investiu a posição do Dalai Lama com deveres temporais. O 14º Dalai Lama nasceu na aldeia de Taktser , Amdo , no Tibete (administrativamente na província de Qinghai , República da China ), e foi selecionado como o tulku do 13º Dalai Lama em 1937 e formalmente reconhecido como o 14º Dalai Lama em Uma declaração pública perto da cidade de Bumchen em 1939. Sua cerimônia de entronizaç